A viúva de Chester Bennington publica vídeo dele 36 horas antes da sua morte!

"Isto é o que era para nós conviver com a depressão que ele tinha", escreveu Talinda Bentley na sua publicação. Uma gravação feita em casa poucas horas antes do artista terminar a sua própria vida da forma que todos já sabemos…


JÁ SABIAS?

A 1xbet agora oferece 130€ a novos clientes! Além disso, na 1xbet podes assistir a transmissões de jogos ao vivo! Regista-te aqui!

Passaram 2 meses desde que Chester Bennington, líder e vocalista dos Linkin Park decidiu por termo à própria vida, num trágico desfecho que não teve nenhum sinal de alarme, e que apanhou o mundo de surpresa. Isto incluiu toda a sua família e amigos, que estavam completamente alheios aos problemas que se apoderavam do pensamento do cantor, ocultos até de quem lhe era mais próximo, devido a uma “máscara” que Chester utilizava.

Talinda Bentley, a viúva do cantor, publicou no Twitter no passado dia 16 um vídeo de momentos passados em família, poucas horas antes do mundo perder este enorme talento. E com a publicação, ela pretende enviar uma importante mensagem a todas as pessoas que o virem.

“Este meu tweet é o tweet mais pessoal que alguma vez fiz. Eu estou a mostrar-vos isto para que saibam que a depressão não tem uma cara, nem sequer tem uma disposição boa ou má”. Talinda escreveu isso quando publicou o “clip” com 40 segundos, que mostra Chester a sorrir e depois a rir-se à gargalhada – sem que nada fizesse prever o que estava prestes a acontecer –, enquanto provava “gomas de feijão” com as suas crianças. “A depressão que nós víamos era o que podem ver aqui, apenas 36 horas antes de ele morrer. Ele amava-nos muito, e nós também o amávamos”, desabafou a viúva, referindo-se à trágica morte do cantor no passado dia 20 de Julho.

VEJA TAMBÉM:  Piloto Americano Desmaia em Pleno Vôo no seu F-16, momentos de Pânico!

O vídeo prova de facto que a depressão, ou qualquer outro distúrbio que perturbe o equilíbrio mental, são muitas vezes impossíveis de identificar apenas olhando para uma pessoa, ou para a forma como se comporta. Muitas vezes a dor e a agonia vivem dentro dessas pessoas, sem que mais ninguém se aperceba, pois elas “vestem uma máscara” para não deixar transparecer que estão mal.

Se tu, ou alguém que conheces precisa de ajuda, por favor liga para a “Telefone da Amizade“(linha anti-suicídio) marcando o seguinte número: 22 832 35 35. Podes salvar uma vida…ou até mesmo a tua!

Partilha nas redes sociais!

Utilizamos cookies para assegurar que tem uma melhor experiência ao visitar o nosso website