André Ventura saiu-se com nova afirmação POLÉMICA! Este homem não pára!

André Ventura ficou "famoso" este verão. O candidato à CM de Loures continua a escrever sobre temas polémicos. André Ventura tem abordado temas sensíveis desde que concorreu à CM de Loures. Desta feita referindo-se à população de reclusos no sistema prisional português, que André Ventura acredita que deviam ser obrigados a trabalhar para pagar a “estadia”, deixando assim de representar uma despesa tão grande para os contribuintes.


JÁ SABIAS?

A 1xbet agora oferece 130€ a novos clientes! Além disso, na 1xbet podes assistir a transmissões de jogos ao vivo! Regista-te aqui!

“Os incendiários que fossem condenados, deviam ser obrigados a limpar as matas”, acrescenta.

andre-ventura

Em Maio passado aquando dos ataques em Manchester, afirmou que: “É uma questão de tempo até que estes ataques nos obriguem a discutir a possibilidade de voltar a existir pena de m0rte”, num artigo escrito na sua coluna do CM. Ventura disse ainda que não tem um especial interesse pela pena de m0rte, mas que também não é algo que se devia descartar para certos casos: “existe em vários países avançados e democratas tal como os EUA, ou no Japão”.

André tornou-se mais conhecido no início deste verão quando abordou a questão da etn1a c1gana em Loures, recebendo de imediato o apoio de milhões de portugueses que vêm nele um político que não tem “papas na língua” nem medo de falar. “Muitos dos presos que se encontram agora a cumprir pena, se fossem soltos sairiam e fariam tudo de novo outra vez, há pessoas que simplesmente não são ressocializáveis, e por isso também a pena perpétua devia ser reposta para alguns crimes, e revista regularmente”.

VEJA TAMBÉM:  Confirmado! Georgina Rodríguez está de facto GRÁVIDA de CR7

“Não compreendo porque têm medo de falar sobre isto. No Brasil, governado pelo Partido dos trabalhadores já era assim. Se eu acho que os incendiários deviam ajudar a limpar as matas a à reflorestação? Podiam de deviam ser obrigados a isso!”, conclui André Ventura.

Créditos foto de capa: gazetapolitica.com

Partilha nas redes sociais!

Utilizamos cookies para assegurar que tem uma melhor experiência ao visitar o nosso website