Ministério Público deu-lhe razão! Jovem humilhado pela SIC pede indemnização MILIONÁRIA!

Foi em Maio de 2015 que Daniel Ribeiro, participante do "Ídolos", viu a sua imagem ser alterada a fim de o rebaixarem pela sua característica física. O jovem acusa agora a SIC de Pinto Balsemão e conta com o apoio do Ministério Público, que acompanha a acusação!


JÁ SABIAS?

A 1xbet agora oferece 130€ a novos clientes! Além disso, na 1xbet podes assistir a transmissões de jogos ao vivo! Regista-te aqui!

Daniel sentiu-se “humilhado, rebaixado e difamado”, quando viu a sua imagem alterada digitalmente de forma a servir como meio de chacota e de aumentar as audiências do programa da pior forma, e depois de se aconselhar com um advogado, vai seguir com o processo pedindo uma indemnização de 100.000 euros.

O jovem tinha 17 anos quando se inscreveu no programa de talentos, e deslocou-se a Lisboa para fazer parte do casting. Menor na altura, ele vivia com a avó visto ter ficado órfão de pai em pequeno, e de ter sido abandonado pela mãe, mas devido à idade foi necessária uma permissão por escrito da tutora legal para ele participar do programa.

Conta que quando chegou ao estúdio o mandaram entrar para uma sala escura, com uma luz forte apontada para ele, e que o mandaram cantar sem acompanhamento musical (à capela). Interpretou a sua música, procederam à filmagem do momento, e no final disseram-lhe que não estava apto, “fica para a próxima”. Daniel assegura que não estava nenhum jurado na sala.

Quando voltou para casa estava convicto que como não tinha participado, as gravações iriam ser destruídas. Para seu espanto, na edição do “Ídolos” a 3 de Maio, apareceu ele como se estivesse a cantar em frente aos jurados(uma alegada montagem segundo o próprio, e segundo fonte familiar presente).

VEJA TAMBÉM:  Homem DETIDO porque agrediu os ladrões que lhe assaltaram a casa

O pior estava para vir…além disso, o seu aspecto físico foi alterado digitalmente e foram-lhe colocadas orelhas gigantes, como que a caricaturá-lo focando-se em algo que o jovem sabe desde há muito que é uma característica física que em nada favorece a sua aparência.

O que a SIC fez só serviu para aumentar ainda mais a insegurança do adolescente, que ganhou a alcunha de “Oorelhas”, e após tamanha humilhação deixou mesmo de frequentar a escola durante algum tempo…entrou em depressão! “Ele ficou convencido que tinha umas orelhas enormes, e só conseguiu retomar alguma normalidade na vida quando um advogado lhe conseguiu arranjar um cirurgião solidário com o que se tinha passado, e que o operou gratuitamente”.

Daniel sente-se “humilhado, rebaixado e difamado cobardemente”, e solicita agora que a estação o indemnize em 100 mil euros, e tem o apoio do Ministério Público que concorda com a acusação!

Partilha nas redes sociais!

Utilizamos cookies para assegurar que tem uma melhor experiência ao visitar o nosso website