Só devemos trabalhar quatro dias por semana, revela estudo!

Hoje, mais e mais pessoas trabalham 50, 60 e até 70 horas por semana, transformando as suas casas em autênticas residências secundárias, servem praticamente apenas para dormir. No entanto, várias experiências realizadas por K. Anders Ericsson, um dos principais especialistas em psicologia do trabalho, mostraram que as pessoas só podem fazer 4 ou 5 horas de trabalho produtivo por dia. Depois de o desempenho atingir o seu ponto mais alto, a produção tende a parar, e as pessoas sofrem no trabalho.


JÁ SABIAS?

A 1xbet agora oferece 130€ a novos clientes! Além disso, na 1xbet podes assistir a transmissões de jogos ao vivo! Regista-te aqui!

4-dias-semana

“Se você empurra as pessoas muito além do tempo em que elas realmente podem se concentrar no máximo, é muito provável que elas adquiram alguns maus hábitos, o que é pior, esses maus hábitos podem acabar por alastrar ao tempo em que as pessoas normalmente são produtivas”. Diz Ericsson.

Os gestores que encurtaram a semana de trabalho dos seus funcionários obtiveram retornos mais significativos sobre o seu investimento em termos de produção, conseguiram manter mais trabalhadores e aumentou felicidade pessoal e profissional.

Ryan Carson, CEO da Treehouse, implementou uma semana de trabalho de 32 horas em 2006. Desde então, os seus funcionários tornaram-se mais felizes e mais produtivos.

De acordo com Carson, a empresa é muito bem sucedida hoje, a sua receita anual é estimada em milhões de dólares, e os funcionários sentem-se felizes em ir para o trabalho todos os dias.

Uma história semelhante também aconteceu com a Reusser Design, uma empresa de desenvolvimento web em grande escala. O fundador da empresa, Nate Reusser, diz: “Mesmo que os funcionários trabalhem horas extras nas sextas-feiras, o desempenho deles é muito maior. Você não tem ideia de como as pessoas se apressam para concluir os projetos antes de irem de férias.”

VEJA TAMBÉM:  Portugal está prestes a ficar RICO e escondem isso da População!

Como experiência, a semana de quatro dias também foi implementada em algumas escolas primárias no Colorado, EUA. Como se verificou, os resultados de leitura e matemática dos alunos que estudaram apenas quatro dias por semana subiram 6% e 12% em comparação com as crianças que se mantiveram a ter aulas durante od cinco dias habituais.

Os resultados desta pesquisa sugerem que mesmo uma simples redistribuição do tempo de trabalho pode ter enormes benefícios para os funcionários e empresas.

Fonte: bastanteinteressante.pt

Partilha nas redes sociais!

Utilizamos cookies para assegurar que tem uma melhor experiência ao visitar o nosso website